Alberto Picco

Nasceu em Buenos Aires em 1950 e vive em Lisboa.

Desde a década de 1990 que o seu trabalho se tem concentrado na investigação sobre o território e a memória, na perspectiva da sua ocupação, uso, transformação e/ou abandono.

É formal na forma de fotografar, o que  se revela uma vantagem pois destaca a singularidade com que capta a trivialidade da realidade, imprimindo-lhe a imparcialidade e sentido estético que lhe são característicos.

A vasta obra produzida neste âmbito, confere-lhe uma capacidade discursiva coerente e de referência.

Biografia

Trabalhos

Links